Conteúdo (alt + 1) Menu Principal (alt + 2) Menu Direita (alt + 3) Inicio (alt + 5)   
 
     
 
 
 
 
 
 
     
 
 
Programa de Residência Médica da SES forma primeira turma de especialistas em Medicina de Família e Comunidade

Florianópolis, 1º de Março de 2018.

O Programa de Residência Médica da Secretaria de Estado da Saúde (SES) formou nessa quinta-feira, 1º, às 14 horas, no Centro Integrado de Cultura (CIC), na capital, a primeira turma de médicos especialistas em Medicina de Família e Comunidade. São oito profissionais que a partir de Março atuarão nos municípios fortalecendo e qualificando ainda mais a Atenção Básica de Santa Catarina.

Este Programa de Residência Médica é inovador e é o único no país, em Medicina de Família e Comunidade, no formato multicêntrico, sendo desenvolvido em Rede de Integração Ensino-Serviço. Esta rede é uma parceria entre a SES, 32 municípios, instituições de ensino superior e a rede hospitalar própria do Estado e conveniada.

O Programa de Residência em Medicina de Família e Comunidade tem como objetivo contribuir para a formação de profissionais médicos com atuação na Atenção Básica de todo o Estado. “Ao responder às necessidades assistenciais da população em 90 a 95% das vezes, a efetividade da Medicina de Família e Comunidades potencializa o uso de recursos com um alto grau de resolutividade e com um sentido humanístico”, destaca o secretário da Saúde, Acélio Casagrande.

O Médico de Família e Comunidade é o especialista que atende problemas relacionados com o processo saúde-enfermidade de forma integral e contínua no âmbito individual e familiar. O Programa de Residência coopera para que os médicos participantes desenvolvam competências específicas como coordenação do cuidado, habilidade de comunicação, medicina baseada em evidência, trabalho em equipe multiprofissional e articulação comunitária.

Paulo Orsini, diretor de Educação Permanente em Saúde da SES, vem desde 2015 organizando a equipe para implantação desta residência. “O programa, em seu primeiro ano, teve quatro municípios contemplados com vagas de residência. Atualmente, temos a participação de mais 13 municípios com vagas ocupadas, sendo Balneário Piçarras, Balneário Camboriú, Camboriú, Itajaí, Tijucas, Rio do Sul, Palhoça, São José, Santo Amaro da Imperatriz, Garopaba, Urupema, Benedito Novo e Ibicaré”, explica Orsini.


Voltar
 
 
 
Rua Esteves Júnior, 160 - Centro - CEP: 88.015-130 - Florianópolis - Fone: (48) 3664-9000
 
 
     
 
   
Design by windows vista forum and energiesparlampen